Ciborgues da vida real usam implantes tecnológicos para melhorar suas vidas

França dá luz verde aos soldados “Robocop’s reforçados”

Convidamos você a nos seguir em nossa página no Facebook, para ficar por dentro de todas as novidades que publicamos:

Esses soldados terão implantes e outras tecnologias…

O que vemos em vários filmes de fantasia, como Robocop, não parece estar longe da realidade, pois segundo um relatório do Ministério da Defesa francês, o governo planeja criar ciborgues com soldados.

Os franceses estão prontos para mudar o estabelecimento das forças armadas após a conclusão da pesquisa sobre o desenvolvimento de soldados reforçados!

Um relatório do Ministério da Defesa francês revelou tudo e principalmente as intenções dos franceses de criar soldados ciborgues.

Na verdade, determina as condições em que esse trabalho deve ser realizado com implantes e outras tecnologias, que visam melhorar o desempenho no campo de batalha.

Em declarações anteriores, a secretária de Defesa Florence Parly havia deixado claro que a França não tinha planos imediatos de desenvolver tecnologia “invasiva” para soldados.

Robocop: Até que ponto o homem permanece sendo homem e não maquina
Cena do filme de 2014 – Robocop: Até que ponto o homem permanece sendo homem e não maquina?

O Ministério da Defesa francês indicou no passado que a biônica promissora melhoraria as “habilidades físicas, cognitivas e psicológicas” dos soldados.

Além disso, poderiam ser desenvolvidos “medicamentos para prevenir a dor, estresse e fadiga, bem como substâncias que melhorarão a estabilidade mental se um soldado for capturado”

No entanto, o relatório atual enfatiza que outras nações estão explorando tais possibilidades, e que a França é chamada a não perder o “trem” na criação de supermilitares.

“Mas temos que encarar os fatos”,

acrescentou Florence Parly e continuou:

“Nem todos compartilham nossos princípios e devemos estar preparados para o que nos espera no futuro.”

Cena do filme Robocop 1987.
Cena do filme Robocop 1987.

Florence Parly disse também que:

“Devem ser explorados caminhos para manter nossa superioridade operacional sem virar as costas aos nossos valores”. “Os seres humanos há muito procuram maneiras de melhorar suas habilidades físicas ou cognitivas para lutar”. “Possíveis desenvolvimentos podem eventualmente levar a um aumento das capacidades do corpo de soldados.”

Alertou Florence Parly.

O relatório citou pesquisas sobre implantes que poderiam “melhorar a capacidade mental” ou ajudar os soldados a distinguir entre inimigo e aliado.

Eles também podem permitir que os comandantes os localizem ou conheçam seus pontos vitais remotamente.

Definindo linhas éticas claras, o documento observou que as práticas eugênicas ou genéticas devem ser proibidas, bem como qualquer coisa “que possa comprometer a integração de um soldado na sociedade ou seu retorno à vida como cidadão”.

Em seu discurso, a Sra. Parly observou que o trabalho em implantes de nervos humanos está progredindo rapidamente no setor privado.

Em particular, os implantes neurais podem prever todos os movimentos dos membros em porcos.
Em particular, os implantes neurais podem prever todos os movimentos dos membros em porcos.

O fundador da Tesla, Elon Musk, apresentou duas porcas que foram usadas ​​para a demonstração em “tempo real”. A primeira, chamada Gertrude, colocou um implante Neuralink por dois meses e se mostrou saudável e feliz. Uma segunda porca, chamado Dorothy, teve o implante previamente instalado e removido sem efeitos colaterais depois.



Sugerimos a leitura das seguintes matérias

Cientistas japoneses criam o primeiro robô estilo ‘Blade Runner’ que pode sentir dor

Um robô projetado para coletar matéria orgânica pode ser uma ameaça?

É possível que um papa medieval tenha feito o 1º Robô?

AI Previu o Colapso da Humanidade em 2050



Tudo começou em 2020

Em dezembro de 2020, o Comitê de Ética Militar do Ministério da Defesa francês permitiu experimentos com biônicos para capacitar soldados do exército francês.

Surpreendentemente, a decisão veio poucos dias depois que John Radcliffe, diretor de Inteligência Nacional (DNI) dos EUA, disse que a China estava realizando testes militares em humanos para criar tropas “bio-reforçadas”.

França Dá Luz Verde Aos Soldados Robocops
Como seriam esses soldados?

Ao mesmo tempo, o Ministério da Defesa francês indicou que seus soldados ciborgues seguiriam as normas de moralidade e ética.

Em particular, os militares não podem usar tecnologia que interfira com a humanidade fundamental de um soldado. Os soldados devem manter o livre arbítrio e poder escolher o nível de força que usam…

Por exemplo, um aprimoramento biônico não pode forçar um soldado a usar força letal quando a força não letal é uma escolha óbvia.

Além disso, a biônica não deve interferir na reintegração de um soldado à vida civil.

E você amigo(a) leitor(a), acha que esses “Robocop’s” irão melhorar a paz e a segurança?

Deixe sua opinião nos Comentários!
E compartilhe com seus amigos…

Convidamos você a nos seguir em nossa página no Facebook, para ficar por dentro de todas as novidades que publicamos:

O Mundo dos Mistérios Ocultos(clique para abrir)

A Chave dos Mistérios Ocultos
Notícias

Deixe um Comentário