NASA avisa que o asteroide Bennu provavelmente atingirá a Terra

NASA avisa que o asteroide Bennu provavelmente atingirá a Terra

De todos os desastres naturais que podem afetar a vida na Terra, são os impactos de asteroides que têm o potencial de acabar com a vida como a conhecemos.
Asteroide que acabou com os dinossauros enviou seus ossos para a lua
Cientistas têm um registro do pior dia da Terra – ou, pelo menos, o pior nos últimos 66 milhões de anos.

Assim como os dinossauros encontraram seu destino com a ajuda de um grande asteroide há cerca de 66 milhões de anos, a humanidade estará em sérios apuros quando um evento semelhante ocorrer.

Mas parece que os cientistas estão levando essa ameaça a sério e agora decidiram alertar sobre o potencial destrutivo dos asteroides próximos à Terra.

Encontrar os asteroides é apenas a primeira parte do quebra-cabeça, mas os cientistas também têm algumas ideias sobre como evitar potenciais colisões futuras.

Duas novas missões lançadas pela NASA e pela Agência Espacial Europeia (ESA) vão testar um método para desviar asteroides terrestres de seu curso.

A missão DART (teste de redirecionamento de asteroide duplo) da NASA decolará em algum momento depois de 24 de novembro deste ano, e a espaçonave chegará ao sistema de asteroides Didymos, a 11 milhões de quilômetros da Terra, cerca de um ano depois.

Lá, ele colidirá com a pequena lua de Didymos, uma rocha menor que orbita o asteroide…

Quatorze imagens sequenciais de radar de Arecibo do asteróide próximo à Terra (65803) Didymos e sua lua, tiradas em 23, 24 e 26 de novembro de 2003.
Quatorze imagens sequenciais de radar de Arecibo do asteróide próximo à Terra (65803) Didymos e sua lua, tiradas em 23, 24 e 26 de novembro de 2003.

Então, é seguro desviar um asteroide próximo à Terra como parte de um teste?

Bem, isso depende para quem você pergunta.

Dito isto, poderia um asteroide de 500 metros de largura ameaçar a Terra no próximo século?

De acordo com a NASA, sim, existem possibilidades.

Data de impacto

O asteroide próximo à Terra (101955) Bennu é um dos dois asteroides conhecidos mais perigosos do sistema solar, junto com (29075) 1950 DA.

Neste momento, parece que Bennu não representa nenhuma ameaça e está muito longe da Terra. Isso está de acordo com as previsões anteriores da NASA de que a Terra tinha risco zero de impacto de um asteroide no século atual.

Um perigo para a humanidade
Um perigo para a humanidade? (imagem representativa)

Mas em 2135, a pouco mais de um século de distância, Bennu começará a se aproximar da Terra.

Nesse momento, ainda não representará uma ameaça, mas é essencial estudar se a gravidade da Terra mudará a trajetória do asteroide ao redor do Sol, e talvez até o aproxime do impacto em nosso planeta.

Foi exatamente isso que a NASA procurou responder em seu novo estudo, cujas descobertas foram publicadas na revista científica Icarus.

Usando dados de rastreamento de precisão da sonda espacial OSIRIS-REx, a NASA foi capaz de estudar melhor o asteroide e seus movimentos até o ano 2300.

Usando este modelo, os cientistas reduziram significativamente as incertezas em sua órbita, e o asteroide tem uma probabilidade de 1 em 1.750 (cerca de 0,057%) de impactar a Terra em 2300.

No entanto, a data com a maior chance de ter um impacto é 24 de setembro de 2182 , com uma probabilidade de 1 em 2700 (cerca de 0,037%).

Os dados foram coletados pela espaçonave OSIRIS-REx, que passou cerca de dois anos nas proximidades de Bennu antes de partir em 10 de maio de 2021.

NASA avisa que o asteroide Bennu provavelmente atingirá a Terra
Será que o asteroide Bennu provavelmente atingirá a Terra? (imagem representativa)

Uma amostra de rocha e poeira do asteroide será enviada à Terra para estudo em 24 de maio 2023.

A grande preocupação com o Bennu era que ele poderia passar pelo que é conhecido como “buraco da fechadura gravitacional” em 2135, pois isso em certos momentos poderia colocá-lo em rota de colisão com a Terra.

No entanto, os estudos ainda não mostraram qualquer probabilidade de se tornar um risco grave, embora o risco em si permaneça.

Um perigo para a humanidade

Mas se o Bennu acertasse a terra, o dano seria, segundo uma estimativa, o equivalente a 1.200 megatons de TNT. Para efeito de comparação, a bomba nuclear de Little Boy lançada em Hiroshima em 1945 tinha cerca de 0,015 megatons de TNT.

O asteroide também está programado para se aproximar da Terra em 2060, mas é improvável que cause danos e estará muito longe para ser visto com binóculos comuns.

O impacto de um asteroide continua sendo um dos desastres naturais mais perigosos que podem ocorrer.

É essencial estudar se a gravidade da Terra mudará a trajetória do asteroide ao redor do Sol
É essencial estudar se a gravidade da Terra mudará a trajetória do asteroide ao redor do Sol.

É por esta razão que astrônomos ao redor do mundo, incluindo o Escritório de Coordenação de Defesa Planetária (PDCO) da NASA, trabalham para monitorar todos os asteroides próximos e calcular sua trajetória para ver se algum deles representa uma ameaça para o planeta.

Alguns, como o PDCO da NASA e o Teste de Redirecionamento de Asteroides (DART) da Universidade John Hopkins, estão procurando maneiras de conter os impactos potenciais de asteroides.

O DART, em particular, deseja lançar uma espaçonave em um asteroide para usar a velocidade e seu impacto para alterar a trajetória de um asteroide ligeiramente, o suficiente para desviá-lo de seu curso.

Ou, em termos simples, acerte-o com um foguete com velocidade suficiente para mudar sua direção em uma fração de um por cento.

Este projeto será colocado à prova em breve, em um asteroide muito distante do planeta…


Sugerimos a leitura das seguintes matérias

NASA alerta para a chegada iminente de um enorme asteroide potencialmente perigoso

Asteroide que acabou com os dinossauros também pode ter enviado seus ossos para a lua

Os cientistas confirmam que o asteroide Apophis atingirá a Terra em 2068

Os cientistas calculam a data exata e o local do impacto do asteroide Apophis



No entanto, a Airbus propôs uma possível solução mais imediata, que tornaria os satélites de televisão essencialmente “sequestrados” e reaproveitados para desviar um asteroide, e essa solução poderia levar apenas alguns meses para ser preparada e lançada.

Um asteroide pode destruir satélites
Imagem representativa.

Independentemente disso, a NASA e outras organizações monitoram o céu em busca de asteroides se aproximando do planeta, incluindo o uso de telescópios especiais chamados “caçadores de asteroides“.

Mas também deve ser dito que nos últimos anos a NASA perdeu credibilidade quando se trata de asteroides.

Por exemplo, no ano passado, o asteroide 2020 QG, de três a seis metros de largura), passou a 2.950 quilômetros de distância do nosso planeta, estabelecendo um novo recorde de proximidade.

Nunca um corpo espacial passou tão perto.

Mas o mais surpreendente de tudo foi que a própria NASA não foi capaz de detectá-lo. Isso nos mostra que a agência espacial dos EUA pode estar errada com suas previsões sobre o Bennu e acabar atacando mais cedo do que o esperado.

O que você caro(a) leitor(a) acha que o asteroide Bennu?

É uma ameaça real para a humanidade?

Deixe sua opinião nos Comentários!
E compartilhe com seus amigos…

Convidamos você a nos seguir em nossa página no Facebook, para ficar por dentro de todas as novidades que publicamos:

Deixe um Comentário