Peixe-remo de 3 metros de comprimento aparece na costa norte do Peru

Peixe-remo de 3 metros de comprimento aparece na costa norte do Peru

Convidamos você a nos seguir em nossa página no Facebook, para ficar por dentro de todas as novidades que publicamos:

Enquanto as pessoas desfrutavam de um dia quente no mar na cidade de Punta Sal, na região de Tumbes, no norte do Peru, um imponente peixe-remo apareceu muito perto da costa.
Segundo a cultura japonesa, o aparecimento do peixe-remo na costa anuncia a ocorrência de desastres naturais, como terremotos.

Um peixe-remo de três metros apareceu neste domingo, 23 de julho, nas margens do balneário Punta Sal, em Tumbes (norte do Peru). O animal chegou às margens da praia de Cancas e foi cercado por um grupo de cidadãos. Os pescadores da região informaram que não é a primeira vez que essa espécie aparece na orla da praia de Tumbes.

Veja o vídeo:

(Obs: O vídeo está em espanhol; porém você pode ativar as legendas em português. (clique aqui e veja como fazer))

Nesta ocasião media três metros, a anterior foi encontrada na área de Cameron e tinha cinco metros. Na cultura japonesa, esse animal “anuncia terremotos” e muitas pessoas associam sua aparência a um mau presságio. Ele também é conhecido como “Ryugu no tsukai” (mensageiro do palácio do Deus do Mar).

Apesar dessa crença, não há evidências da relação entre desastres naturais e o aparecimento desse peixe no litoral. É um dos peixes ósseos mais longos do mundo e pode pesar até 200 quilos.

Por que o peixe-remo está relacionado a terremotos?

Segundo uma hipótese do sismólogo japonês Kiyoshi Wadatsumi, esse peixe que vive próximo ao fundo do mar é muito sensível aos movimentos de falhas ativas. Devido a essas mudanças nas profundezas, é possível que o oarfish venha à tona quando detecta movimentos estranhos nas profundezas do mar.

O peixe-remo é um tipo de peixe que recebe o nome de seu corpo longo e brilhante. O corpo pode crescer até um metro e meio de comprimento, mas geralmente chega a cerca de três metros!
O peixe-remo é um tipo de peixe que recebe o nome de seu corpo longo e brilhante. O corpo pode crescer até um metro e meio de comprimento, mas geralmente chega a cerca de três metros.

Esta é a base da ideia de que o aparecimento de um peixe-remo na superfície alerta para terremotos ou tsunamis. Oarfish é conhecido por viver na camada mesopelágica do mar; ou seja, a uma profundidade entre 200 e 1.000 metros de profundidade.

Em raras ocasiões, foi visto nadando perto da superfície. Refira-se que há poucos dias outro peixe-remo foi captado em vídeo por mergulhadores que se encontravam ao largo da costa de Taiwan.

Os pesquisadores capturaram essas imagens incríveis:



Sugerimos a leitura das seguintes matéria

Peixe pré-histórico gigante é capturado no Alabama EUA

Mistério Em Cingapura: Enorme Peixe “Pré-Histórico” do Tamanho de um Crocodilo Encontrado Morto

Criatura alienígena é encontrada em uma praia do Texas

Cocaína no rio Tamisa esta causando hiperatividade nas enguias



Terremoto ocorreu em Tumbes

Poucas horas depois que um peixe-remo foi encontrado em Punta Sal, Tumbes, um terremoto de 4,8 atingiu a região de Tumbes, com epicentro em Zarumilla.

Terremoto ocorreu em Tumbes.
Terremoto ocorreu em Tumbes.

Existia uma relação entre o aparecimento do peixe-remo em Punta Sal e o recente terremoto?

Não se pode confirmar, mas para muitos dos moradores o peixe-remo apareceu para anunciar a ocorrência de um terremoto.

Veja o vídeo:

(Obs: O vídeo está em espanhol; porém você pode ativar as legendas em português. (clique aqui e veja como fazer))

No vídeo abaixo você pode ver e ouvir toda a matéria:

Obs.: Para ouvir basta reativar o som no vídeo!

E você amigo(a) leitor(a), acha que o aparecimento do peixe-remo é um presságio de um terremoto?

Deixe sua opinião nos Comentários!
E compartilhe com seus amigos…

Convidamos você a nos seguir em nossa página no Facebook, para ficar por dentro de todas as novidades que publicamos:

A Chave dos Mistérios Ocultos(clique ou toque para abrir)

A Chave dos Mistérios Ocultos
Catástrofes

Deixe um Comentário

Skip to content