Um quadro do flash verde inicial emitido pelo meteoro.

Uma rara bola de fogo verde explode sobre a Austrália, criando um flash visível por centenas de quilômetros

Compartilhe esta matéria...
A rocha espacial explodiu enquanto despencava no céu sobre a Austrália, emitindo um flash de luz brilhante que podia ser visto de longe e um estrondo alto que assustou os moradores.

As câmeras do Aeroporto de Cairns, em Queensland, capturaram o vídeo da explosão do meteoro, conhecido como bólido, às 21h22 (horário local) de 20 de maio. As imagens enviadas para a página do aeroporto no Facebook mostram um flash verde inicial iluminando o céu noturno antes de um flash branco secundário.

Imagens adicionais capturadas de telefones, câmeras de painel e câmeras de segurança mostraram que o flash gerado era visível até Normanton, que fica a cerca de 600 quilômetros a oeste de Cairns, informou o The Guardian.

Uma rara bola de fogo verde explode sobre a Austrália, criando um flash visível por centenas de quilômetros

O som da explosão pode ser ouvido mais claramente sobre a cidade de Croydon, que fica a cerca de 100 km a leste de Normanton, sugerindo que o meteoro explodiu em algum lugar acima.

“A rocha espacial era provavelmente muito pequena, entre 0,5 e 1 metro de diâmetro, e poderia ter viajado até 150.000 km/h”,

disse Brad Tucker, astrofísico da Universidade Nacional Australiana em Canberra.

“Se algum fragmento atingiu a Terra, provavelmente foi muito pequeno.” O meteoro “essencialmente cai de barriga para baixo”, a fricção aumenta e faz com que brilhe e, em seguida, atinge o ponto de ruptura, o que causa o grande flash e o estrondo sônico,”

explicou ele.

Flash verde inicial emitido pelo meteoro
Flash verde inicial emitido pelo meteoro.

A maioria das bolas de fogo emite uma luz branca ou amarela quando explode. O flash verde incomum 9do meteorito que explodiu sobre Croydon foi causado por uma alta concentração de metais como ferro e níquel no meteorito.

Bolas de fogo ocorrem na atmosfera da Terra com relativa frequência…

Entre julho de 2017 e janeiro de 2022, os astrônomos detectaram cerca de 3.000 bolas de fogo, de acordo com o Observatório da Terra da NASA. Mas os observadores na superfície testemunham apenas algumas dessas explosões a cada ano, porque a maioria ocorre longe de áreas povoadas ou sobre o oceano.

Veja o vídeo:

(Obs: O vídeo está em inglês; porém você pode ativar as legendas em português. (clique aqui e veja como fazer))

Deixe sua opinião nos Comentários!
E compartilhe com seus amigos…

Convidamos você a nos seguir em nossa página no Facebook, para ficar por dentro de todas as novidades que publicamos:

A Chave dos Mistérios Ocultos(clique ou toque para abrir)

A Chave dos Mistérios Ocultos
Notícias

Deixe um Comentário

Pular para o conteúdo