Encontro com Deus!

Você certamente já se perguntou: “Onde posso me encontrar com Deus; sentir sua presença”…

No meu templo? (igrejas, mesquitas, capelas etc.), no meu líder religioso? Preciso viajar para aquele lugar sagrado? Tenho que tocar aquela imagem ou objeto santo? A resposta depende de você!

No meu templo? (igrejas, mesquitas, capelas etc.), no meu líder religioso? Preciso viajar para aquele lugar sagrado? Tenho que tocar aquela imagem ou objeto santo?
A resposta depende de você!

Se você se sente bem seguindo seu líder religioso, indo ao seu templo religioso, etc…
A resposta é sim!

Agora se você faz tudo isso e não sente a presença de Deus, já pensou que você pode estar procurando no lugar errado?

                      Muitas pessoas acreditam que Deus está em determinado lugar.
                                   Na verdade Deus pode estar agora mesmo do seu lado… mas como senti-lo?
Simples! Pelo abraço de seus pais, um beijo da sua esposa ou marido, um gesto de carinho de seu filho, e até mesmo no olhar de seu bichinho de estimação. Isso mesmo Deus está em todo ser vivo; inclusive em você…

 

“Não me procures em templos de pedras geladas, mas sim em seu coração, que será aquecido pelo amor e caridade que você transmite para seu semelhante e a todo ser vivo na terra”.

Thiago Lewandowski

Bem o que isso quer dizer? Que eu tenho de abandonar minha religião? Bem longe disso! Pois as religiões são como um GPS, vamos colocar assim; para nos levar ao caminho certo, porém como as vezes acontece com o GPS, que te leva em um beco sem saída, a sua religião pode te levar ao caminho sem volta. Não que sua religião esteja errada, mas você ou seu líder religioso podem estar interpretando ela de uma forma errada.

        Você já ouviu essa frase: “Mais vale um ato de caridade, do que 1000 orações”.


Se você é daqueles que não sai do seu templo, reza todo dia, você está certo?
Essa resposta depende de suas ações segundarias como: você ama e é dedicado à sua família? Você faz obras de caridade?
Claro que é muito importante rezar, e ir ao seu templo, porém, se você não dá atenção à sua família, está sempre mau humorado, não ajuda os necessitados… é como plantar uma semente no cimento…
Quando você faz um ato de caridade, sem dúvida, você se aproxima muito mais de Deus.
Também devemos ter cuidado com os ensinamentos que nos são passados…

 

Vejamos um dos mandamentos que muitas pessoas interpretam errado.

 

                           “Amar a Deus sobre todas as coisas”.

 

Assim como eu acho que muitos de vocês já se questionaram sobre esse mandamento que muitos dos nossos líderes religiosos nos passaram uma interpretação bem errada, sobre ele, a minha foi essa:

             “Você deve amar Deus acima de tudo e todos”.

Opa! Como? Como vou amar Deus mais que meus pais, mais do que minha irmã, meu cunhado, meus parentes meus amigos, até meus animais de estimação eu amo mais…

Estou errado; certamente você é como eu; que ama a família, entes queridos, amigos, etc, mais do que tudo na vida! Então vamos para o inferno?

Claro que não! Pois Deus está em cada ser vivo, em você, no seu pai, na sua mãe, em seus parentes, amigos, conhecidos, no seu gato, cachorro, papagaio, enfim em toda natureza, em todo ser vivo.

Agora se você ama por exemplo; um computador, um celular, um carro, mais do que um ser vivo… humm… daí meu amigo você está com problemas.

Porque um celular, um carro, uma roupa, etc, são “coisas”sem vida, exatamente como o mandamento diz: “Amar a Deus sobre todas as coisas”. Como achar Deus em um objeto sem vida? Essa é melhor interpretação: ame todos a sua volta que você estará amando à Deus.

             Mas quanto a questão principal; como me encontrar com Deus?

Primeiramente você não precisa sair como louco procurando Deus em lugares sagrados(nada contra a nenhum desse lugares), pois basta você ser bondoso, afetuoso, e sempre amar.
Pronto! Deus já está aí ao seu lado…
Autor do texto:  Thiago Lewandowski – Publicado em: 19 de Abril de 2018

Comente