Satélites da NASA detectam anomalia de 250 km na Antártida

Um grupo de pesquisadores descobriu uma misteriosa anomalia de cerca de 240 km na Antártida usando imagens de satélite oferecidas pela NASA.
A misteriosa anomalia detectada sob o gelo na Antártida
A misteriosa anomalia detectada sob o gelo na Antártida

A misteriosa anomalia detectada sob o gelo na Antártida pode ser uma espécie de base secreta dos nazistas.

Um grupo de pesquisadores paranormal e amantes de conspirações, estão convencidos de que não são apenas bases secretas construídas pelos nazistas, mas existem várias bases na Antártica que foram usadas não só por humanos, mas por visitantes de outros mundos.

A anomalia foi encontrada pela primeira vez pelos satélites da NASA em 2006.

A estranha anomalia foi encontrada pela primeira vez pelos satélites da NASA em 2006

A enorme anomalia antártica, tem uma distância aproximada de 250 quilômetros de diâmetro e consegue atingir uma profundidade máxima de 850 metros abaixo da superfície.

No momento, os cientistas não têm como descobrir exatamente o que está escondido nas profundezas dessa plataforma de gelo. Este continente esteve envolvido em mistérios durante anos.

Por outro lado, acredita-se firmemente que a Marinha dos Estados Unidos liderou uma missão para investigar essa anomalia. Essa missão de reconhecimento recebeu o nome de Operação Highjump, envolvendo mais de 13 navios, porta-aviões, aviões de escolta, destróieres e um submarino.

No entanto, nem todos estão acreditando na teoria da conspiração sobre as bases secretas localizadas a centenas de metros abaixo do gelo da Antártida.

Outros acreditam que a estranha anomalia não é tão estranha no final das contas e que, de fato, é o resultado de um impacto de um asteroide duas vezes maior que o que exterminou os dinossauros.

Aqui você ver um vídeo em espanhol explicando um pouco sobre a anomalia:

Fonte: aqui

Comente