Outro “monólito misterioso” semelhante ao de Utah aparece, mas agora na Romênia

Outro “monólito misterioso” semelhante ao de Utah aparece, mas agora na Romênia

Um monólito de metal misterioso apareceu na Romênia esta semana, depois que outra estrutura semelhante encontrada no remoto deserto de Utah que foi misteriosamente removido recentemente.

O pilar triangular brilhante foi encontrado na colina Batca Doamnei, na cidade de Piatra Neamt, no norte da Romênia, na última quinta-feira.

O monólito na Romênia
O monólito na Romênia…

Foi visto a poucos metros do conhecido monumento arqueológico da Fortaleza Dácia de Petrodava, uma fortaleza construída pelo antigo povo Dacian entre 82 AC e 106 DC.

A peculiar descoberta vem depois que um monólito semelhante foi encontrado no deserto de Utah sem explicação, gerando especulações irônicas de que pode ter sido obra de alienígenas, mas é mais provavelmente obra de um brincalhão inspirado em um Filme: “2001 – Uma Odisseia no Espaço”.

Em Utah, o pilar, que se projetava cerca de 3 metros das rochas vermelhas no sul de Utah, foi descoberto na quarta-feira passada por autoridades locais intrigadas do Bureau of Land Management (BLM) que estavam contando carneiros selvagens de um helicóptero.

No entanto, a estrutura de três lados foi removida do local por indivíduos desconhecidos na sexta-feira à noite, disse o BLM de Utah em um comunicado.

Depois que o monólito de Utah foi removido, apenas algumas pedras permaneceram(clique aqui para ver).

Na Romênia, a estrutura triangular tem uma altura de aproximadamente 3,96 metros e um dos lados está voltado para o Monte Ceahlau, conhecido localmente como a Montanha Sagrada.

É uma das montanhas mais famosas da Romênia e está listada como uma das sete maravilhas naturais do país. As autoridades romenas ainda não sabem quem é o responsável pela construção do misterioso monólito.

À direita, o monolito cravado numa montanha da Romênia. À esquerda, o mesmo local já sem o monolito.
À direita, o monolito cravado numa montanha da Romênia. À esquerda, o mesmo local já sem o monolito.

Rocsana Josanu, Oficial de Cultura e Patrimônio Neamt, disse em um comunicado:

Começamos a investigar a estranha aparência do monólito. É propriedade privada, mas ainda não sabemos quem é o dono do monólito. Está em uma área protegida em um sítio arqueológico”.

O monólito de Utah gerou discussões de turistas que viajaram grandes distâncias para ver o monólito e foram acusados ​​de vandalizar o local, que as autoridades tentaram manter em segredo para evitar que as pessoas se perdessem.

Mas muitos rastrearam as coordenadas e as postaram, levando as pessoas a dirigir muitas horas durante a noite para chegar à estrutura de alumínio.

E foi revelado que uma versão semelhante apareceu quase 20 anos atrás, no Dia de Ano Novo em Seattle.

No entanto, o acesso ao local envolveu uma viagem off-road de 45 minutos em uma estrada de terra a muitos quilômetros de qualquer grande cidade e, em seguida, uma caminhada de 15 minutos ao longo do leito de um riacho seco.

Uma vista do misterioso monólito no Magnuson Park em Seattle, fotografada em 2 de janeiro de 2001
Uma vista do misterioso monólito no Magnuson Park em Seattle, fotografada em 2 de janeiro de 2001.

Embora a estrutura só tenha sido descoberta por autoridades este mês, as imagens do Google Earth mostram que ela está de pé pelo menos desde 2015 ou 2016.

O tenente Nick Street, porta-voz do Departamento de Segurança Pública, disse que a estrutura pode estar lá há

40, 50 anos, talvez mais”.

Street disse:

É o tipo de material que não se degrada com os elementos. Ele pode ter apenas alguns anos, quem sabe. Não existe uma maneira real de saber quanto tempo ele está lá”.

Outros observaram a semelhança do objeto com o trabalho de vanguarda de John McCracken, um artista americano que viveu nas proximidades do Novo México por um tempo e morreu em 2011.

McCracken era conhecido por suas esculturas independentes em forma de pirâmides, cubos ou placas graciosas. O monólito é mais parecido com as esculturas em forma de prancha de McCracken apresentadas em sua exposição na David Zwirner Art Gallery, em Nova York.



Google moon revela misteriosa estrutura superfície da lua

Misteriosas Estruturas são Avistadas no Deserto de Gobi pelo Google Maps

Encontradas estruturas inexplicáveis no deserto do Oriente Médio

Foi encontrada uma estrutura enorme e misteriosa no fundo do Oceano Atlântico

Pesquisadores dizem que uma pedra rúnica antiga prevê o Ragnarök: Destruição cataclísmica do cosmos



No entanto, na terça-feira, uma porta-voz de David Zwirner disse que não era uma das obras de McCracken, mas possivelmente de um colega artista homenageando.

No entanto, mais tarde naquele dia, a galeria deu outra declaração sugerindo que a peça era de McCracken, o que significa que permaneceu no deserto por quase uma década até alguém ver.

A estrutura metálica foi encontrada a poucos metros do monumento histórico mais antigo da cidade -- a conhecida fortaleza dácia de Petrodava, segundo informa o tabloide inglês Mirror.
A estrutura metálica foi encontrada a poucos metros do monumento histórico mais antigo da cidade — a conhecida fortaleza dácia de Petrodava, segundo informa o tabloide inglês Mirror.

Zwirner disse:

A galeria está dividida nisso. Acho que é definitivamente de John.”

No entanto, até agora ninguém se apresentou para reivindicar a responsabilidade pelo monólito.

E agora, com o surgimento de uma nova estrutura na Romênia, uma nova cota de mistério e especulação é adicionada a esse já carrossel de eventos raros.

Já sabemos que o monólito foi colocado por certas pessoas, mas com que propósito?

Promover um evento futuro?

Transmitir uma mensagem?

O você amigo(a) leitor acha?

Deixe sua opinião nos Comentários…
Compartilhe com seus amigos…

Deixe um Comentário