De onde vem os asteroides que podem ameaçar a Terra

Muitos dos asteroides que passaram perto da Terra vêm de planetas antigos que foram destruídos, deixando para trás seus restos mortais que perambulam pelo nosso Sistema Solar, mostrou um estudo recente.

A origem dos asteroides que podem ameaçar a Terra.
A origem dos asteroides que podem ameaçar a Terra.
Aproximadamente 85 por cento das rochas no cinturão de asteroides internos vêm de cinco ou seis planetas antigos.

Esses planetas se fraturaram e se separaram em milhões de pedaços que foram depositados no cinturão de asteroides que está no nosso Sistema Solar. Às vezes, uma dessas rochas escapa do cinturão e se dirige para a Terra.

Agora, os cientistas estão preocupados que uma dessas grandes rochas possa chegar ao nosso planeta, causando uma catástrofe.

Por causa disso, no mês passado, a NASA lançou um projeto para poder responder a uma possível ameaça que pode vir do espaço sideral.

Veja também: Astrônomos detectaram lasers misteriosos direcionados para a Terra vindos de uma nebulosa  –  Asteroide reforça a tese de que há um planeta oculto no sistema solar

As descobertas obtidas através de um novo estudo poderiam ajudar a entender a natureza dos asteroides e meteoritos perigosos, disseram os cientistas responsáveis.

Stanley Dermott, astrônomo da Universidade da Flórida e principal autor do estudo, disse em um comunicado:

Estes grandes corpos zumbem em torno da Terra, por isso estamos muito preocupados com quantos deles existem e que tipo de material eles contêm. Se alguma dessas coisas vem para a Terra e nós queremos desviá-la, precisamos saber qual é a sua natureza”.

Além disso, entender a natureza dessas rochas espaciais poderia melhorar nosso conhecimento dos materiais que moldaram nosso planeta.

Até agora, as descobertas coincidiram com aproximadamente 85% dos objetos na faixa interna de asteroides, que é composta por aproximadamente 200.000 objetos. No entanto, isso pode se aplicar a muito mais do que isso, disse o professor Dermott.

Dermott adicionou:

Eu não ficaria surpreso se eventualmente traçássemos as origens de todos os asteroides no cinturão principal de asteroides, não apenas aqueles no cinturão interno, para um pequeno número de corpos paternos conhecidos”.

 

Fonte: aqui

Comente