Os 7 sintomas que antecedem a morte

Todo mundo sabe que a única certeza da vida é a morte, mas todo mundo tem medo de morrer. O grande problema é que a gente tem medo de não fazer da vida algo que realmente valha a pena antes de morrer, sem contar o medo do desconhecido, já que ninguém jamais voltou para dizer como é o outro lado.

Apesar disso, cientistas se dedicam a descobrir como é a experiência de quase morte. Um estudo realizado nos Estados Unidos, por exemplo, entrevistou 150 pacientes que foram praticamente ressuscitados pelos médicos e que contaram o que viram, ouviram e sentiram antes de morrer (ou melhor, de quase morrer).

Como você vai ver, embora não seja unanimidade, a maior parte das pessoas relatou “sintomas” e experiências em comum antes de morrer. Foi normal entre grande parte pessoas, por exemplo, sentir paz e calmaria quando a vida lhes escapavam, além de outras coisas estranhas, como o fato de verem seus parentes que já faleceram e túneis escuros com luzes no final.

 

Confira os 7 sintomas que as pessoas sentem antes de morrer:

 

1. Retrospectiva

Retrospectiva

Algumas pessoas, de fato, relatam ver a própria vida passando em frente aos olhos, assim como os parentes e outras pessoas e memórias queridas, como numa retrospectiva. Mas isso, na verdade, só aconteceu com pessoas que passaram por experiência de quase morte de forma indolor, já que quando a morte é dolorosa o paciente é dopado.

2. Pedido de perdão

Antes de morrer, é comum que as pessoas se sintam mais à vontade para pedir perdão pelos erros passados. Conforme os pesquisadores, esse comportamento também é comum entre pacientes que passam longas temporadas internados ou sob cuidados em casa, já que eles têm ciência do que pode acontecer.

 

3. Serenidade

Segundo a Universidade do Arizona, nos Estados Unidos, de 150 pessoas que passam pela experiência de quase morte, também conhecida como EQM, 3% dos delas consideraram essa situação como negativa.

O restante dos participantes, por outro lado, contaram que sentiram paz, serenidade e bem-estar, como nunca sentiram antes, mesmo aqueles que sentiram medo de ir para o inferno.

4. Alucinações

De 6% a 23% das pessoas que passaram pela experiência de quase morte disse ter vivido alucinações com túneis que terminavam em luzes, encontros com seres luminosos, memórias de uma consciência descolada do corpo físico e assim por diante. Para a Ciência, isso acontece devido ao estado de perturbação do cérebro.

De 6% a 23% das pessoas que passaram pela experiência de quase morte disse ter vivido alucinações com túneis que terminavam em luzes, encontros com seres luminosos, memórias de uma consciência descolada do corpo físico e assim por diante. Para a Ciência, isso acontece devido ao estado de perturbação do cérebro.

 

5. Sonhar com pessoas mortas

Antes de morrer, quando se passa por um processo de despedida da vida, é comum que pacientes relatem ter visto ou sonhado com entes queridos já falecidos. Conforme especialistas, esses sonhos também podem ser enquadrados nas alucinações que já mencionamos aqui, especialmente porque a pessoa à beira da morte já está abalada.

6. Perda de apetite

Dias antes de morrer, também é comum que as pessoas sintam dificuldade para comer. Isso acontece devido à fragilidade do organismo, que vê o próprio movimento de deglutinação dos alimentos como um esforço indesejável. Nessa fase também é comum que a boca do paciente fique bastante ressecada.

 

7. Frio

Com a fragilidade do organismo, é comum também que a temperatura corporal caia, causando a sensação de frio. Isso acontece porque o corpo já está sem energia para manter sua temperatura natural, já que os órgãos já podem estar entrando em falência.

 

E você já passou por uma experiência de quase morte ou conhece alguém que já tenha vivido isso? Não deixe de nos contar nos comentários!

 

Fonte: aqui

Comente